Rui Costa anuncia reforma e ampliação do Campus Integrado de Educação Básica, em Itabuna

sexta-feira, 26 janeiro, 2018

Foto: divulgação
 As unidades estaduais de ensino que irão compor o Campus Integrado de Educação Básica (CIEB), localizado no bairro de São Caetano, em Itabuna (Sul da Bahia), serão reformadas e ampliadas. A ordem de serviço para a obra foi assinada pelo governador Rui Costa, nesta sexta-feira (19), no Centro Técnico de Educação Profissional (CETEP) Litoral Sul II, que é uma das unidades do CIEB. As outras quatro são: Complexo Integrado de Educação (CIE) de Itabuna; Colégio Estadual de Itabuna; Centro Juvenil de Ciências e Cultura (CJCC); e Centro de Atendimento Psicossocial (CAP). O CIEB, localizado no bairro de São Caetano, em Itabuna, atenderá cerca de seis mil estudantes.
A reforma e ampliação do Campus Integrado de Educação Básica, no valor de R$ 4.751.187,58, irão contemplar biblioteca, cobertura de quadra, laboratório de Ciências, teatro, refeitório e vestiário. Inspirado no conceito de campus universitário, o CIEB foi criado com a proposta de articulação espacial, ambiental, estrutural, funcional e pedagógica de unidades escolares, que passam a funcionar compartilhando espaços físicos, estrutura urbana do seu entorno e projetos pedagógicos próprios. “A concepção dos CIEB consiste em uma estratégia para potencializar a funcionalidade, a otimização de recursos e a capacidade instalada, dinamizando a articulação entre instituições de Educação Básica e de Educação Superior, contemplando todas as etapas da Educação Básica”, destacou o subsecretário da Educação do Estado, Nildon Pitombo, que representou o secretário Walter Pinheiro no ato.
”É o ensino em tempo integral, garantindo a educação completa dos nossos jovens”, destacou o governador Rui Costa. Na ocasião, o governador ainda entregou três tratores para associações de agricultores familiares de Nova Canaã, Itacaré e Medeiros Neto e uma ambulância para o município de Gongogi.

Complexos Integrados de Educação 
A Secretaria da Educação do Estado irá ofertar, este ano, 2.800 vagas nos seus cinco Complexos Integrados Educação (CIE) – unidades da rede estadual que ofertam Educação Básica e Ensino Superior no mesmo espaço, com o objetivo de desenvolver novas metodologias de aprendizado, integrando estudantes e professores das duas modalidades de ensino. A matrícula, cuja oferta refere-se ao Ensino Médio noturno e à Educação Integral, está sendo realizada de acordo com o calendário da rede, que começou no período de 16 e prossegue até 29 de janeiro, disponível no Portal da Educação. As aulas têm início no dia 19 de fevereiro.
Inaugurados em 2015, os Complexos Integrados de Educação de Porto Seguro, Itamaraju e Itabuna funcionam em parceria com a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), e o de Ipiaú, em parceria com a UNEB. Neste ano letivo, uma nova unidade foi aberta no município de Eunápolis, sediada no Colégio Estadual Clériston Andrade, em parceria com a UNEB. O assessor de Articulação da Educação Superior com a Educação Básica, da Secretaria da Educação do Estado, Robson Costa, explica que a implantação dos CIE no campus das universidades parceiras possibilita a oferta de uma educação continuada aos estudantes.
O processo, explica o gestor, se dá a partir do diálogo sobre as necessidades e especificidades de cada comunidade escolar, dentro de um currículo interdisciplinar com alternativas metodológicas e novas formas de aprendizado. “Na perspectiva de construção de uma escola inovadora, integral, inclusiva e plural, os CIE contemplam uma nova modelagem de gestão, pedagógica e administrativa em cogestão pedagógica com as instituições do Ensino Superior parceiras, reunido, no mesmo espaço físico da escola pública, o Ensino Básico e o Ensino Superior, com ofertas de programas ligados ao ensino, à pesquisa e à extensão”, pontua Robson Costa.