Morre Toni Morrison, primeira negra a ganhar o Prêmio Nobel, aos 88

FolhaPress

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A escritora Toni Morrison, vencedora do Nobel de Literatura de 1993, morreu na noite de segunda-feira (5), aos 88 anos. Ela foi a primeira mulher negra a ganhar o prêmio.

A informação foi confirmada pela sua editora, em uma publicação no Twitter. “Sua narrativa e sua prosa hipnotizante deixaram uma inegável marca em nossa cultura”, escreveu.

Macaque in the trees
Toni Morrison (Foto: REUTERS/Stephen Chernin)

Nascida no estado de Ohio, ela ficou conhecida por obras que descrevem os obstáculos políticos e sociais enfrentados pela comunidade negra ao longo da história americana.

Em “O Olho Mais Azul”, seu romance de estreia publicado em 1970 nos EUA, Morrison conta a história de uma moça negra que sonhava em ser loira e de olhos azuis como a atriz Shirley Temple.

Com sua ficção sobre as conflituosas relações de negros e brancos no país, ganhou o apelido de Pantera Negra, em analogia ao grupo que inseriu com força o debate das questões raciais na sociedade americana. Ela também escreveu livros como “Amada” e Canção de Salomão”.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.