Destaque na Mídia: Interior da Bahia

sexta-feira, 9 agosto, 2019

UNEB inscreve para Mestrado em Estudo de Linguagens até dia 14

A UNEB está com inscrições abertas, até o dia 14 de agosto, para seleção de mestrado

A iniciativa, voltada para graduados em letras, psicologia, comunicação, direito e áreas afins, está disponibilizando 30 vagas, distribuídas igualmente entre as linhas de pesquisas: Leitura, literatura e identidades; e Linguagens, discurso e sociedade.

Os interessados deverão preencher formulário online e entregar os documentos exigidos no edital da seleção, presencialmente, de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 17h, na secretaria do programa, no Campus I da universidade, em Salvador. Há ainda a possibilidade de enviar a documentação pelos Correios, via Sedex. A taxa é de R$ 100.

O processo seletivo prevê prova escrita, análise do currículo e do anteprojeto de pesquisa, além de entrevista e teste de proficiência. O resultado final está previsto para ser divulgado até o dia 29 de novembro e o período de matrícula será entre os dias 9 e 13 de dezembro.

http://www.interiordabahia.com.br

 

Foto que ilustra a capa do álbum ‘Abbey Road’ dos Beatles completa 50 anos nesta quinta

A foto foi tirada no bairro londrino de St. John Woods Foto: Reprodução/Instagram

O registro foi feito pelo escocês Iain MacMillan (1938-2006), fotógrafo que pagou guardas de trânsito para fazer os cliques. Na mesma rua, fica o lendário estúdio Abbey Road, onde a banda gravava seus discos. Ainda hoje, ele é utilizado por artistas nacionais e internacionais que sonham em passar por lá.

A icônica imagem saiu de uma sessão de fotos que durou apenas dez minutos. MacMillan registrou apenas seis opções. Mesmo assim, ela é ainda lembrada e reproduzida por fãs em Londres e também em ruas de todos os países do mundo. Em São Paulo, a avenida Paulista é frequentemente fotografada por fãs que recriam a cena.

No aniversário de 20 anos da foto, MacMillan deu uma entrevista ao jornal inglês The Guardian revelando que toda a ideia foi de Paul McCartney. “A ideia foi dele, preciso dizer, do Paul McCartney. Poucos dias antes do ensaio, ele desenhou um rascunho de como ele imaginava a capa do disco, e acabou sendo o que foi feito naquele dia”, contou o fotógrafo.

“A foto escolhida foi a quinta das seis produzidas porque era a única que reproduzia perfeitamente a formação do ‘V’ nas pernas de todos eles”, afirmou MacMillan.

Detalhes da foto criaram lendas como a de que McCartney estaria morto. O Volkswagen com a placa LMW 281F ao fundo indicaria o sinal ’28 IF’ ou “28 se”, uma pista de o músico teria completado 28 anos, na época, se estivesse vivo.

A foto ainda foi interpretada como uma procissão fúnebre em que John Lennon, de branco, era considerado um padre, Ringo Starr, de preto, um agente funerário, e George Harrison, o coveiro. Paul teria sido substituído com alguém porque é canhoto e segurava um cigarro com a mão direita. Hoje, está bem claro que McCartney está em lúcido e entre nós.

Para MacMillan, o sucesso da foto vem de sua simplicidade. “É uma foto estilizada e muito simples. Também é uma imagem em que as pessoas podem se relacionar. É um lugar onde as pessoas ainda podem andar”, afirmou, em entrevista ao Guardian.

Versões superluxo do álbum estão sendo relançadas na Europa com CD’s, LP’s, DVD’s e material gráfico comemorativo. (Fonte: Folha de S. Paulo).

 

Trem descarrilha e fecha o acesso a bairro de Senhor do Bonfim

Devido a quantidade de vagões, o acesso ao bairro Alto da Maravilha ficou interditado

Vários profissionais da ferrovia estão mobilizados para colocar novamente os vagões sobre os trilhos.

Ainda não se sabe ao certo o que causou o incidente, mas acredita-se que as péssimas condições dos dormentes e as constantes chuvas possam ter contribuído para o desgaste das madeiras que estão apodrecidas.

No início da tarde desta quinta-feira, vários vagões da ferrovia de Bonfim descarrilharam

Moradores agradeceram a Deus, pelo fato de o de o quase tombamento não ter sido do lado das residências, na qual há uma ‘banca’. “Ainda bem que não foi do lado de nossas casas, porque se fosse a tragédia seria inevitável”, contou uma moradora. (Informações do Blog do Netto Maravilha).

Fonte: http://www.interiordabahia.com.br